quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Tartufo Bianco: um dos alimentos mais caros do mundo!


    A Feira Internacional da Trufa Branca de Alba completa 82 anos, com dois meses de iniciativas para celebrar o tubérculo precioso que os torna únicos nas colinas de Langhe e Roero. Gastronomia, cultura, música, arte e esporte, este é o evento mais esperado por gourmets de todo o mundo! 

O coração da exposição, como sempre, é o mercado mundial de trufas, onde os visitantes podem contatar diretamente os comerciantes e comprar as caríssimas trufas certificadas. Ou simplesmente apreciar o seu perfume.

Por que é tão caro e tão raro?
Este precioso cogumelo é cheio de exigências. Para nascer exige arvores como o carvalho, avelã, salgueiro etc.. para ,em simbiose, se desenvolver. Exige, também, locais frescos, úmidos e que a 15 cm. de profundidade, conservem uma temperatura média de 6º C. Não param por aqui suas extravagâncias: o terreno deve ter Ph neutro, ser rico em potássio e pobre em matérias orgânicas, azoto e fósforo.
Segundo Bocca:
1)    O tartufo é procurado com a ajuda de um cão adestrado (quase sempre um vira latas) e nunca por um porco: os porcos são muito difíceis e não respondem ao adestramento.

2)    O tartufo não é somente encontrado a noite e pode perfeitamente ser procurado durante o dia. O trifolau normalmente sai antes de o sol nascer somente para não revelar aos outros seus lugares preferidos.
3)    Nunca guarde o tartufo no congelador (descongelado perde todas suas características), nunca cozinhe, nunca descasque, nunca rale... fatie ,somente.
4)    O tartufo não é uma batata, um parasita ou um túbero: é um cogumelo.
5)    Se o tartufo custa pouco... cuidado
6)    Se o tartufo custa muito, lembre-se: emoções são caras.




Outro detalhe: as trufas devem ser limpas apenas com uma escova, jamais se deve utilizar água.



 Uma exposição inédita conta a ligação especial que une o fungo subterrâneo precioso no mundo do cinema, incluindo cenas de filmes famosos, fotografias e cartazes da coleção que testificam "doce vida" do nariz.


Os vinhos, os requintes de doces artesanais, queijos e embutidos da região também são os protagonistas da festa!






Fontes:
http://www.fieradeltartufo.org/index.jsp
http://www.baccoebocca.it/antiga/noticiaView.asp?CodigoNoticia=495

segunda-feira, 8 de outubro de 2012

Bem - vindos a Scopello!


       Nós temos muito prazer em visitar esta pequena e bela cidade, onde em cada estação do ano reserva seus encantos. Em alguns momentos curtimos a neve, as montanhas, as flores ou as belas cores do outono. Desta vez fotografamos mais algumas belezas, acompanhados pelo casal mais apaixonado por Scopello que conheço: Gabry e Riccardo.

       Scopello,  659 metros acima do nível do mar, encontra-se no local mais lindos do vale, e as suas casas elegantes da rua principal sob um céu espaçoso e azul, que recobre as pistas tranquilas do Alpe di Mera. 


Lugar maravilhoso e pleno de energia


Espaços para relax e um belo happy hour, enquanto as crianças se divertem

    Don Luigi Ravelli descreve a aldeia de Scopello em seu famoso guia "Sesia Vale e Monte Rosa", publicado em 1924. Scopello, um país de médio vale, está localizado em uma posição central, estratégica, para admirar o Monte Rosa maciço com o maior refúgio na Europa, o Capanna Regina Margherita m. 4559, e da área de esqui Monterosa com 180 km de pistas de esqui, um paraíso para quem gosta de "freeride" e da cidade de Varallo famosa pelo complexo monumental da Sagrada Montanha, antiga Jerusalém valsesiana e da Unesco.
Outros preferem cavalgar


      Scopello deve o seu desenvolvimento no século XVIII e XIX à atividade da indústria de aço, relacionada à extração e processamento de cobre, ferro, ouro e, mais recentemente, de níquel. Restos escassos desse passado deu fama e prestígio para todo o vale.
Para fazer deliciosas caminhadas ao sol

    Desde meados do século passado, além de agricultura e pecuária, pilares da economia de montanha, as pessoas começaram a falar sobre turismo graças à construção da estação de esqui de Alpe di Mera, com  mt 1550.
Descansar à sombra e apreciar o panorama

Ruas estreitas e elegantes

Onde o vizinho de Gabry e Ricky permite fotografar
sua colheita de funghi

Estas foram algumas fotos que fizemos ao visitar nossos parentes em Scopello, mas as belezas podem ser apreciadas na galeria do site oficial, onde se pode apreciar as pistas de esqui, desenhadas em sulcos suaves que fazem a estação adequada para todos, desde iniciantes a entusiastas. No inverno, a estação de esqui pode ser alcançada com uma cadeira confortável, a "seggiovia", no verão cercada de verde e natureza.

Veja a galeria em:
http://www.scopello.com/gallery.html

Lindas flores em cada ângulo da cidade

Ere caminhando pela cidade

Armando avisa que é hora de voltar para casa

       Para quem quiser passar alguns dias em contato com a natureza, com a montanha, com o esqui e com pessoas simpáticas e disponíveis, sugerimos o Hotel "Albergo Rosetta", onde uma família recebe os hóspedes, com a cordialidade lhes é peculiar, com com a qualidade conferida por suas estrelas mais do que merecidas e além disso, vejam,  com preços muitíssimo especiais. Visitem o site para conhecer melhor: